poluicao ufrjA Ilha do Fundão, no Rio de Janeiro, abriga alguns dos mais importantes centros de pesquisa do Brasil. No entanto, está devendo no quesito mobilidade urbana. Estudo do Fundo Verde da UFRJ em parceria com a Coppe e a Shell Brasil mostra que os deslocamentos de docentes, de alunos e do pessoal de apoio emitem 2,2 mil toneladas de dióxido de carbono (CO2), por mês. Os problemas de acessibilidade ao campus fazem com que os ônibus e os automóveis dominem as ruas.

(Nota publicada na Edição 934 da Revista Dinheiro)

Nike